Seminários tecnológicos compartilham o conhecimento e permitem o intercâmbio de experiências na cadeia da panificação

Ação do convênio ABIP/ITPC/Sebrae tem promovido o desenvolvimento do setor de panificação, confeitaria e alimentação por todo o país

por Igor Marques

23/05/2016

Todas as pesquisas, estudos, teorias e levantamentos realizados pelo convênio ABIP/ITPC/Sebrae saem da teoria e viram prática no mercado a partir dos Seminários de Tecnologia e Inovação. Realizados por todo o país, os eventos já contaram com mais de mil participantes entre empresários, profissionais do setor e representantes de entidades de classe ajudando a promover o conhecimento e estimulando a implantação de ações que levem o mercado a um novo patamar.

 

“Os seminários são sempre bem frequentados e têm grande interesse do público. Esses são momentos que os participantes conseguem visualizar oportunidades em tecnologias e novidades para implementar nas suas empresas e melhorar a sua lucratividade e produtividade. São sempre uma oportunidade para que as pessoas possam procurar aprender mais”, destaca a consultora do ITPC Ariane Soares que recentemente esteve em Mossoró/RN palestrando sobre a tecnologia do congelamento nos setores de panificação, confeitaria e alimentação.

 

Os eventos também são uma grande possibilidade de intercâmbio, possibilitando a articulação de ideias entre os diversos elementos que compõem a cadeia da indústria como entidades, fornecedores, universidades e profissionais para um debate mais rico e amplo. “A parceria entre Sebrae, instituições ligadas à panificação e os sindicatos é um juntar de forças importante. As padarias têm os empresários com recursos, ideias e a força de trabalho e as instituições possuem ferramentas para desenvolver essa parceira que é fundamental para o setor. Essa junção é mais do que certa e só traz benefícios para todos”, afirma o presidente em exercício do Sindicato das Indústrias de Panificação e Confeitaria do Amazonas (Sindipan-AM), Wellington da Silva Moreira.

 

Ele também acredita que a qualidade do conteúdo apresentado serve de inspiração para o desenvolvimento de novas ideias para o crescimento das empresas. “Os empresários costumam estar tão envolvidos no dia a dia do seu trabalho que não costumam parar e enxergar as oportunidades. Trabalhar com os melhores faz a criatividade e a imaginação aflorar nas pessoas e perceber que é possível driblar as dificuldades de modo geral”.

 

Desde o início do convênio já foram realizados onze seminários, dois deles neste ano, em Manaus e Mossoró. Para a analista técnica do Sebrae Amazonas, Clarice Maquiné Nunes, os seminários representam uma possibilidade única de conhecimento. “O evento traz as últimas tendências e novidades do mercado da panificação. E isso é importante em nossa região pela distância dos grandes centros e a dificuldade em acompanhar essas novidades. Foi bem legal ouvir os depoimentos dos empresários que participaram do evento e que estão interessados em colocar em prática os aprendizados. Algumas empresas, inclusive, já iniciaram essas ações e isso é um grande diferencial”, analisa.